Pesquisar este blog

2 de junho de 2011

Coisas interessantes e não tão divulgadas da Europa

Hoje vivemos em um mundo tão globalizado, que as coisas acontecem e se tornam parecidas onde quer que você esteja... em todo lugar tem Mc Donald's, os filmes em cartaz são quase os mesmos, muitas das lojas disponíveis no exterior também podem ser encontradas no Brasil (não vamos comentar os preços, por favor)... porém, há coisas que você só encontra em determinados lugares, que parecem fazer parte da cultura e que tornam cada local único.
Na Europa tem algumas coisas que achei muito diferentes, e que quase não são tão comentadas, mas que com certeza merecem ser comentadas:

1) Os Parques Europeus:

Os parques Europeus, passeios, jardins são lindos! Sempre muito bem cuidados, cheios de pessoas aproveitando o sol e o contato com a natureza, especialmente na primavera, quando eles ficam cheios de flores.
Isso, você com certeza já ouviu, mas há algo que achei muito estranho e que ninguém tinha me contado! Preste atenção nas fotos abaixo, são retratos respectivamente dos Campos de Marte, vistos da Torre Eiffel, dos Jardins das Tulherias, Jardim de Luxemburgo, Versalhes, todos em Paris, e do Schloss Schoömbrum em Viena:






O que eu queria mostrar é que todos parecem ser parques calçados, não? Pois bem, não são. Estes parques todos tem apenas anti-pó. Daí que é bom se preparar para ficar com seu sapato preto, branco ao final do dia.
Também, não esqueça de carregar sempre na bolsa um bom creme hidratante para as mãos, pois elas ficam muito ressecadas com tanto pó, o mesmo acontece com os cabelos e a pele... mesmo assim, todos estes são lugares inesquecíveis!

2) Cachorros
Os cachorros são muito mimados na Europa. Eles acompanham seus donos a quase todos os locais. Andam de metrô, de trem, ônibus, entram em alguns bares... mas são também super educados. Não latem, andam ao lado do dono, mesmo sem coleira e esperam sentadinhos na saída do supermercado o retorno dos donos, enfim, são com certeza fiéis e educados companheiros!

3) A quantidade de turistas
Na Europa você sempre encontra pessoas de todas as nacionalidades, e a quantidade de turistas é algo impressionante. Chegue cedo nos lugares, quem sabe os demais ainda estejam tomando café e assim você evita algumas filas, especialmente em passeios como Versalhes, Torre Eiffel, Schoömbrum, que são super turísticos.

4) A Cerveja ser mais barata que o refrigerante
Isto pode até parecer inacreditável, porém é muito mais barato optar por um copo de cerveja de 500ml ou uma taça de vinho do que uma lata de coca-cola ou outro refrigerante. Os 1ºs custam em torno de $2,50 a $3,00 e o refrigerante uns $4,00 a $4,50. Ou seja, aproveite para conhecer muitas cervejas e vinhos diferentes e dispense por algum tempo o refrigerante.

5) Os vinhos vendidos em taças
Tem vezes em que você não quer uma garrafa de vinho, quer apenas uma taça de um bom vinho Borgogne, du Rhône, da Bohemia... bom, na Europa você pode! É possível pedir apenas uma taça de quase que todos os vinhos do restaurante e, surpresa, o garçom irá abrir a garrafa de um bom vinho para lhe servir apenas uma taça!

6) Saltos
Como boa curitibana já disse que gosto de saltos e já estou acostumada em ver mulheres se equilibrando em saltos altos no meio da XV. Bom, as européias são mais práticas! As francesas gostam de sapatilhas. São poucas as mulheres de salto pelas ruas. Já as vienenses, muito cosmopolitas, usam saltos baixos e confortáveis. Eu não gostei muito dos sapatos de lá, achei meio feinhos... mas tinham pinta de serem confortáveis.
Ah, em Praga, quando estive lá o calor era tanto que vi algumas mulheres com nossas famosas Havaianas.

7) Parques lotados no meio da tarde
Eu fui para a Europa no início da Primavera, quando os europeus passaram meses sofrendo com o frio e falta de sol, então acho que até por isso os parques estavam sempre lotados no final da tarde, mesmo em uma segunda-feira às 4h da tarde, como na foto abaixo.
Diga-se de passagem, eles sabem viver o Carpe Diem, 5h da tarde as pessoas saiam do trabalho e íam direto para os bares e cafés, ou para os parques aproveitar até as 9h quando o sol se punha. E os parques são muito queridos, especialmente pelos Parisienses, que aproveitam sua hora do almoço para estender uma toalha, beber um vinho, aproveitar o sol e comer uma baguete!

8) O não uso de alianças
Esta eu realmente não entendi... só sei que vi muito poucas pessoas de alianças, e olha que fiquei prestando atenção em metrôs, ônibus, etc.

Bem, estas são as Dicas da Gabi!

2 comentários:

  1. Ah esqueci segue o blog da Eve http://vanillagastronomia.blogspot.com/ que é muito legal, e gostoso...rsss

    ResponderExcluir